sábado, 31 de março de 2018

Conversamos sobre Patrimônio Cultural

A Roda de Conversa "Patrimônio Cultural, Cidadania e Educação Patrimonial" ocorreu no dia 31/03/2018, na Praça CEU das Artes de Tatuí, e foi mediada pela Coordenadora de Educação Patrimonial do IPHAN, a tatuiana Sônia Rampim Florêncio.

Imagens: Natalie Sallum, Maryclea Maués Neves e Maíra Barros.

Com Rafael Sangrador (4)Natalie Sallum (5)Maria Terezinha Telles Guerra (6)Maíra Barros (8)Sônia Rampim Florêncio (9)Erica Sanches (11)Laura Rodrigues de Souza (12)Raphael Amaral (13), Rubens Oficial (14), Edson Pinto (15)Fernando Costa Costa (16)Davison Pinheiro (17), Maryclea Maués Neves (18) e Pedro Henrique de Campos (19).

O evento contou ainda com a presença de Maryclea Maués Neves (IPHAN-SP). Momento de muito aprendizado e troca de informações. Foram abordados e discutidos temas importantes como a necessidade de políticas de preservação municipais, do engajamento da população local de forma organizada nas ações relativas ao assunto e da relevância da educação patrimonial.

Sônia Rampim considera que o conjunto arquitetônico da antiga Fábrica São Martinho, tombado pelo Condephaat, merece também um tombamento federal. Aí está um tema a ser trabalhado. Outro tema levantado durante a Roda de Conserva foi sobre punições a quem danificar bens tombados: um assunto a ser pensado seriamente e com urgência. Tatuí tem sofrido muito com o apagamento de espaços e paisagens históricos.

sexta-feira, 30 de março de 2018

Resignificar ou ressignificar?

Vemos esta palavra comumente grafada de duas maneiras: ressignificar (com dois esses) e resignificar (com um esse). Como se trata de uma palavra relativamente nova, usada em psicoterapia, não consta ainda no vocabulário ortográfico da Academia Brasileira de Letras. Mas, afinal, qual seria a grafia correta?

Simples. O 're' é um prefixo latino que significa 'outra vez'. Quando precede uma palavra começada com esse, deve dobrá-lo, da mesma forma como em 'ressuscitar', 'ressalvar' ou 'ressaltar'. 

Conexão Cristã / Páscoa

Páscoa (Pêssach, em hebraico) significa literalmente “passagem”. Trata-se de uma festa judaica que comemora a saída do povo hebreu do Egito, onde estava escravizado. Jesus Cristo, quando comeu a última páscoa, ressignificou o ato, dando origem à Santa Ceia. Aqui não se trata da saída da escravidão do Egito para a Terra Prometida, mas a passagem da escravidão do pecado para a Graça de Deus em Cristo.

Mais Cidadania

Hoje tive o desprazer de deparar com as revistas criminosas Veja e Época. Aproveitei para anotar quais empresas ou marcas que eventualmente eu possa comprar e que financiam os crimes dessas publicações manipuladoras, que prejudicam o brasileiro no tocante à família, à saúde e à civilidade.

Financiam a Época: Seara (da JBS), Coca-Cola, Vivo, Valor, Pernambucanas/Elo, Petrobras e outras desconhecidas. Financiam a Veja: Seara (da JBS), canetas Pilot, Vivo, Petrobras e outras desconhecidas. Não vi a terceira criminosa, a IstoÉ. 

Com certeza, levarei em consideração esse fato na hora de minhas escolhas de compra. Fiquei satisfeito ao ver que caíram e muito o número de patrocinadores de veículos responsáveis pelo nosso desastre socioeconômico.

terça-feira, 27 de março de 2018

Gosto de...

... abacate, açaí, agrião, amora, antielitismo, arroz com frango, azeitona, bacalhau, banana, banhos, berinjela, cachoeira, cantar, caqui, castanhas, churrasco, coco, cooperativismo, canto coral, Deus, ervilha, escrever, escultura, Evangelho, feijoada, fotografia, fotografar, frango xadrez, gari (gengibre), gengibre, haicai, hortelã, igreja, iogurte, jaca, leitura, lima da pérsia, livros, limão, mandato compartilhado, lixo mínimo, minimalismo, morango, museus, música clássica, não desperdício, não violência ativa, neurolinguística, oração, ovos, palestras, palmito, PANC, pinhão, poesia concreta, quiabo, quibe, religião, renda básica de cidadania, rúcula, salsinha, silêncio,  simplicidade, sushi, sustentabilidade, transparência, trilogia analítica, trofoterapia, yakisoba e... de você.

Mais Cidadania

Eleição sem Lula é Fraude. Claro que é. Mas os golpistas querem exatamente isso. Vamos reforçar o 'Cadê a Prova?'

domingo, 25 de março de 2018

No chá de bebê da Fernanda

Neste domingo, a família se reuniu numa chácara do bairro Cercadinho, em Capela do Alto SP, para festejar a proximidade do nascimento do primeiro menino do casal Fernanda e Adriano.

Jaqueline fez a decoração


Brinquei com essas crianças de colo


Já de cara fui comer jaca: deliciosa.

sexta-feira, 16 de março de 2018

está escrito

"A investigação da própria glória não é glória." - Pv 25:27b.

Hoje se fala muito em autoestima, e está certo. Mas tem muita gente exagerando: autoestima deve harmonizar-se com humildade. E mais: é preciso pensar nos outros como portadores de riquezas individuais e fonte de inspiração. Ninguém é feliz se focar somente em si.


quinta-feira, 15 de março de 2018

está escrito

"Comer muito mel não é bom." -  Prov. 25:27a

Esta me surpreendeu. Sempre me falaram e ainda me falam que o mel seria um dos melhores alimentos. Até que surgiu o Dr. Lair Ribeiro para contrariar: "não, o mel não é um alimento saudável". O médico se referia ao seu índice glicêmico e também ao seu teor de frutose. 

Mas se até Jesus Cristo, nosso senhor, apreciava o mel, então tem que ser bom. Continuei utilizando o produto. Prefiro o silvestre por ser mais orgânico. Agora vejo que até as Escrituras, antes de Cristo, já advertia quanto ao excesso no seu uso. Agora, estamos esclarecidos: devemos apreciar o mel com moderação. 

panc do dia / Crepe japonês






O crepe japonês tem seu nome popular derivado de seu nome científico: Crepis japonica. Isto porque foi descrito pela primeira vez no Japão. É também chamada de crepe do Japão e, em inglês, de barba de falcão (não sei o porquê). Crepe talvez em comparação com o tecido macio e amassado.

Planta alimentícia não convencional de flor amarela forte, com incontáveis pétalas, de apenas um centímetro, e parecida com a flor do dente de leão. Suas folhas são um pouco alongadas, macias, enrugadas e levemente encaracoladas. Planta em forma de roseta de até 30 cm de altura. Caule liso e leitoso. Raiz profunda. É encontrada frequentemente junto a muros, paredes e blocos de cimento, locais úmidos e isolados. Come-se crua ou cozida. Eu comi crua, na salada. Tem sabor que fica entre a alface e o almeirão. Na foto, o meu almoço de hoje: arroz integral, feijão carioca, carne, cenoura crua ralada e salada de crepe japonês com tomatinhos sweet grape.

Existem alegações de efeitos antivirais e anticarcinogênicas, o que seria extraordinário, mas que não pude confirmar até o momento.

quarta-feira, 14 de março de 2018

biodiversidade / Melissa

Foto: Rubens Oficial

Foto: Rubens Oficial

A Melissa (Lippia alba) também é conhecida como cidreira por seu cheiro semelhante ao capim-cidreira. Existem várias espécies de melissa e todas apresentam mais ou menos as mesmas características. 

A melissa é depressora do sistema nervoso central, calmante, ansiolítica, sonífera e controla os batimentos cardíacos (bom para quem sofre de taquicardia). Tem ação analgésica e anti-inflamatória local (em compressas). Também utilizada contra cefaleias, cólicas uterinas e intestinais. Elimina a formação de catarro (mucolítica) e é útil contra bronquites. Tem ação anti-envelhecimento, anti-tumoral, bactericida, além de ser bom antimicrobiano. Protetora do estômago com atividade anti-úlcera. Usada em fórmula de creme facial tonificante.

Colhi um galho numa planta de calçada na rua São Martinho, em Tatuí SP. Fotografei e preparei esta matéria. À noite, tomamos chá (o certo é infusão ou decocção) de melissa com gengibre Ficou delicioso. 

Acho estranho que a Melissa officinalis seja chamada de erva-cidreira e não de melissa.

penso eu

Não assisto a Globolixo. É preciso um movimento para que as pessoas conscientes deixem de assistir a globolixo. A globolixo somente para para pensar se a audiência cair. A globolixo não quer nossa aprovação, quer a nossa audiência.

quinta-feira, 8 de março de 2018

penso eu

É preciso entender que é importante mostrar ao Golpe que Lula pode se eleger, pode eleger outro nome do PT e mesmo um nome fora do PT, que pode ser à esquerda do próprio Lula. Essa colocação é importante para que a Globo entenda que destruir Lula e o PT pode ser um tiro pela culatra.

terça-feira, 6 de março de 2018

penso eu

Quem poderá enfrentar a besta? O STJ também se inclinou a ela. Parece que não há instituição no Brasil com capacidade e coragem para enfrentá-la. O povo brasileiro está sendo ignorado. Ou as instituições estariam agindo com profundo contragosto sob a espada da besta? Não existe mais lei. A besta é a lei. O crime avança sobre a nação brasileira, aniquilando quem possa o defender. É o que a besta quer.