sábado, 28 de novembro de 2009

Alunos do Colégio Adventista de Tatuí entrevistam Rubens Oficial

RUBENS ANTÔNIO DA SILVA, 
OFICIAL DE JUSTIÇA

1) Há quanto tempo você exerce a profissão de Oficial de Justiça?
R - Há 19 anos.

2) Quais são as funções e responsabilidades de um Oficial de Justiça?
R -  O Oficial de Justiça é um dos auxiliares do Juiz. É considerado um braço do magistrado. Auxilia o Juiz nas audiências e no Tribunal do Júri, faz leilões e dá cumprimento aos mandados judiciais, que podem ser de intimação, citação, notificação, penhora, arresto, despejo, reintegração de posse, busca e apreensão de pessoas ou coisas, prisão, arrolamento ou seqüestro de bens etc. O Oficial de Justiça tem fé pública. De tudo o que ele faz, lavra certidão ou auto. São documentos de que o Juiz faz uso com segurança. Uma grande responsabilidade.

3) Quais são as vantagens da profissão?
R) Trata-se de um serviço público que tem certa estabilidade. Os vencimentos não são ruins para uma comunidade como a nossa em Tatuí. Já foi melhor.  Você participa de processos que buscam equacionar problemas civis e criminais, dando uma resposta às inquietações da sociedade. A população brasileira tem procurado mais  pelos seus direitos e esperam da Justiça a concessão de seus anseios. É gratificante participar desse processo.

4) E as desvantagens?
R) A estrutura do tribunal de Justiça é precária. Não temos ainda um prédio adequado. Ainda usamos máquinas de escrever. Colocamos a serviço do Tribunal nosso próprio automóvel, nosso telefone, nosso computador. Não temos treinamento nem recebemos as atualizações das leis. Tudo funciona na base do próprio esforço. Também não temos reconhecimento quando damos o melhor de nós. Motivação de pessoal é uma política ignorada pelo TJ.

5) Você considera sua profissão perigosa?
R) Relativamente, sim. Temos contatos com pessoas de todos os níveis. Trabalhamos sozinhos sem qualquer proteção. Por incrível que pareça, nos sentimos mais confortáveis quando lidamos com bandidos. Eles nos respeitam mais para parecer inocentes. Nas causas cíveis, todos se julgam donos da razão e,no final das contas,apenas a metade pode sair ganhando. Muitos não se conformam com as decisões judiciais. As ameaças existem, mas não são muitas.

6) Há alguma experiência que você considera a mais marcante?
R) O mandado que menos gosto de cumprir é o de busca e apreensão de menores, principalmente quando a criança é grande o suficiente para entender que está sendo tirada de seu pai ou mãe e pequena demais para compreender os motivos.  Muitas vezes a mãe se agarra ao filho e o filho se agarra à mãe e você tem que retirar a criança e entregá-la a quem o Juiz determinou, um parente ou uma instituição de abrigo de menores. É triste demais. O juiz toma essa decisão baseado em estudos sociais e psicológicos elaborados pelo Conselho Tutelar e o Setor Social da Justiça e que mostram que a criança está em situação de risco.

7) Você sempre quis ser Oficial de Justiça? Quando foi que essa profissão despertou seu interesse?
R) Eu nunca pensei em ser Oficial de Justiça até que vi a abertura de um concurso para a função. Sou formado em Estudos Sociais e trabalhava no Departamento de Estradas de Rodagem quando prestei o concurso. Deus quis que eu fosse aprovado.

8) O concurso é muito difícil?
R) A prova é difícil e muito disputada. São questões de português, matemática, atualidades, informática e principalmente de legislação pertinente ao cargo. É necessário ter essa legislação na ponta da língua.

9) Por que a Justiça é considerada lenta?
R) Os processos judiciais têm que seguir um trâmite legal. Ele começa na Polícia com o inquérito, que pode demorar um ou até dois anos. Uma vez indiciado o suspeito, os documentos são enviados ao Ministério Público que, após análise, apresente a denúncia ao juiz. O acusado tem que ser citado do que foi denunciado para que apresente uma defesa prévia. A seguir são ouvidas as vítimas e as testemunhas da acusação apresentados pelo Ministério Público. Na sequencia, são ouvidas testemunhas apresentadas em sua defesa. Quando o réu já sabe tudo o que sobre ele foi dito, então é interrogado, para garantir sua ampla defesa. O advogado e o promotor fazem um debate e, por fim, o Juiz dá a sentença. Tudo é demorado porque o número de processos é gigantesco e cada Juiz e seus serventuários tem que dar conta de milhares de autos. Quando uma testemunha falta ou um réu não é apresentado pela Polícia, o Juiz marca outra audiência para cinco, dez meses após, pois a agenda está repleta. Depois ainda vêm os recursos.

10) O que podemos esperar da Justiça para os próximos anos?
R) Não acredito que o trâmite possa ser acelerado tão cedo porque há resistência do Poder Legislativo para queimar etapas. A impunidade muitas vezes é garantida em nome da ampla defesa. O que parece mais próximo é a informatização da Justiça. Em breve teremos a justiça sem papel, o que deve dar algum ganho em celeridade.

sexta-feira, 27 de novembro de 2009

BRINCANDO COM FLORES

Rubens Oficial

A flor-de-lis
que te diz?
- Sê feliz!

A rosa
cor-de-rosa
é amoROSA

O lírio-da-paz
que te faz?
- Dá paz!

E agora, guria,
ria
e continue esta poesia.

quarta-feira, 25 de novembro de 2009

pensamento: POSSE

"Nada desejando se possui tudo"
(H. Nievo)

APELO (Eno Teodoro Wanke)

Eu venho da lição dos tempos idos
e vejo a guerra no horizonte armada.
Será que os homens bons não fazem nada?
Será que não me prestarão ouvidos?

Eu vejo a humanidade manejada
em prol dos interesses corrompidos.
É mister acabar com esta espada
suspensa sobre os lares oprimidos!

É preciso ganhar maturidade
no fomento da paz e da verdade,
na supressão do mal e da loucura...

Que a estrutura econômica da guerra
se faça em pó! E reine sobre a terra
os frutos do trabalho e da fartura!

(Transcrito do livro A Carpintaria do Verso, 2ª edição, RJ, 1984, com permissão do autor)

terça-feira, 24 de novembro de 2009

fiquei sabendo: LÁGRIMA

O funcionamento das glândulas lacrimais, responsáveis pelo choro, depende do hormônio prolactina, que existe em quantidade muito maior nas mulheres. A prolactina, como o próprio nome indica, é fundamental para a produção de leite durante a amamentação. Pela lágrima são eliminadas certas substâncias químicas que causam a ansiedade.

pensamento: TELEVISÃO

"A televisão cria um presente eterno em nossas cabeças.Não permite a continuidade e a evolução orgânica da História."

(Gore Vidal, citado por Paulo Francis)

está escrito: "SE ALGUÉM NÃO TEM CUIDADO...

...DOS SEUS, E PRINCIPALMENTE DOS DA SUA FAMÍLIA, NEGOU A FÉ, E É PIOR QUE O INFIEL."

Paulo, em I Timóteo 5.8. Seu nome judeu era Saul, mudado para Saulo e, por fim, para Paulo, nome romano que significa pequeno. Nascido e criado na cidade de Tarso, na Cilícia, província romana.

sexta-feira, 20 de novembro de 2009

em baixa: PIPOCA

O Center for Science in the Public Interest (CSPI), instituto americano sem fins lucrativos, comunicou hoje, dia 19, que constatou em pesquisa que um combo de pipoca média com refrigerantes vendido na Regal, maior cadeia de cinemas dos EUA, contém absurdas 1.610 calorias e cerca de 60 gramas de gordura saturada. Lá a pipoca é estourada em óleo de coco. Quando é feita com óleo de canola ou girassol apresenta quantidade menor de calorias mas, por outro lado, níveis mais altos de sódio. Fonte: R7.

quinta-feira, 19 de novembro de 2009

SP ganha primeiro Centro de Referência de Homeopatia e Medicinas Tradicionais


Do R7


Getty ImagesFoto por Getty Images
Centro vai oferecer acupuntura e homeopatia, e vai ainda treinar profissionais

Foi inaugurado nesta terça-feira (17), às 10h, o Centro de Referência de Homeopatia, Medicinas Tradicionais e Práticas Integrativas Bosque da Saúde, na capital paulista. O prefeito de São Paulo, Gilberto Kassab (PSDB-SP) esteve na cerimônia de lançamento.

A unidade localizada na Vila Mariana, na zona sul, é a primeira unidade desse tipo na cidade. O serviço, que antes era voltado exclusivamente ao atendimento em homeopatia e medicinas tradicionais, como acupuntura e práticas corporais da medicina tradicional chinesa, passa a ser agora também referência para a capacitação e atualização dos profissionais nessas especialidades. O Centro será gerenciado em parceria com a Associação Saúde da Família.
Serviço
Local: Rua João Baptistussi, 55, Conjunto Residencial dos Bancários, Vila Mariana, zona Sul, São Paulo

quarta-feira, 18 de novembro de 2009

gente falsa

Existe muita gente falsa. Parece gente, mas não é.

pensamento: CORRUPÇÃO


"A cura da corrupção é como a cura da tuberculose: depende de ambientes abertos e de muito "ar puro".
Antonio Ermírio de Moraes, Folha de S. Paulo, 04.12.1994


achados: CARO MUNÍCIPE (Olívio Junqueira)

Olívio Junqueira, em sua segunda gestão como prefeito de Tatuí (1977-1982), queria retirar as antiquíssimas figueiras da praça central que ficam de frente para a Rua José Bonifácio. Diante da oposição popular, afixou numa das árvores uma placa com os seguintes dizeres, que eu anotei:


CARO MUNÍCIPE

VOCÊ JÁ ANALISOU O PERIGO QUE ESTAS ÁRVORES ESTÃO OFERECENDO? SUAS RAÍZES ESTÃO FICANDO CADA VEZ MAIS À SUPERFÍCIE! JÁ IMAGINOU O QUE ACONTECERÁ SE UMA DELAS CAIR?

Uma ação popular na Justiça garantiu a preservação das árvores.

terça-feira, 17 de novembro de 2009

está escrito: AI DAQUELE QUE AJUNTA...


...EM SUA CASA BENS MAL ADQUIRIDOS.

Habacuque 2.9 - Habacuque foi profeta de Judá nos últimos anos do reinado de Manassés (693-639 aC). Seu nome pode significar "abraço".

todos os poemas

Rubens Oficial


Todos os poemas não precisam ser belos,
Como os homens não o são.

Não se precisa entender todos os poemas,
Como não se entende todos os homens.

Ao poema
basta ser inesquecível.


perfurador

O perfurador abre os olhos do papel.

segunda-feira, 16 de novembro de 2009

PELO FIM DO DINHEIRO VIVO


Fim do 'dinheiro vivo' pode reduzir fraudes e facilitar declaração de IR

Fiscalização tributária ficaria mais fácil com transações eletrônicas.
Segundo professor da USP, fim das cédulas dificultaria ações criminosas.
Paula LeiteDo G1, em São Paulo
Tamanho da letra
Ampliar FotoFoto: Divulgação/Polícia Federal

Dinheiro apreendido pela PF (Foto: Divulgação/Polícia Federal)

Além de evitar idas ao banco, o fim do dinheiro físico pode ter outras consequências benéficas para a sociedade, segundo especialistas. Entre essas mudanças estão a redução da criminalidade, o corte de custos para as empresas e a diminuição da evasão fiscal. “O dinheiro físico só é bom para os criminosos, traficantes, sequestradores”, diz Dave Birch, da consultoria britânica Hyperion, que estuda meios de pagamento eletrônicos.

Leia também:
Celular e biometria devem substituir cédulas e moedas, dizem especialistas

“Quem quer se envolver em ações ilegais precisa de dinheiro vivo. Quando você começa a reduzir a circulação de papel-moeda, você restringe o crime”, diz Martinho Isnard Ribeiro de Almeida, professor da Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade da Universidade de São Paulo (FEA-USP).

Segundo Almeida, mesmo que o dinheiro proveniente do crime passe por meio eletrônicos em algum ponto da sua trajetória, em algum momento ele precisará ser sacado pelos criminosos. “O crime organizado movimenta bilhões, mas sem dinheiro físico fica mais difícil”, diz ele. “É preciso rastrear criminosos como traficantes por meio eletrônico. Não adianta combater a violência só com polícia.”

Impostos
O fim do dinheiro físico e o uso de notas fiscais e outros documentos eletrônicos também geraria economia para as empresas. Dados da Inglaterra mostram que cerca de um quinto do custo administrativo das empresas é para cumprir suas obrigações fiscais, ou seja, para manter a contabilidade pedida pela Receita, calcular o pagamento de impostos, organizar e guardar notas fiscais etc.
No entanto, se todas as transações de compra e venda fossem eletrônicas e os documentos necessários emitidos da mesma forma, o governo já teria um registro de toda a movimentação financeira da empresa. Assim, segundo Almeida, o governo poderia simplesmente enviar um documento com todos os impostos que a empresa deve pagar já calculados. A companhia só enviaria suas contas ao governo se houvesse algum erro ou disputa de valores.

E o mesmo valeria para as pessoas físicas: em vez de declarar o imposto de renda, o cidadão o receberia já pronto e apenas checaria os dados. De acordo com o professor da FEA-USP, uma experiência com o imposto de ofício, como é chamado este modelo, está sendo feita no Chile com sucesso.

Ao mesmo tempo, com o governo tendo um registro de todas as transações das pessoas e empresas, ficaria mais difícil sonegar impostos. “Haveria, por exemplo, menos fraudes com notas fiscais. Hoje você tem situações em que a mesma nota é usada várias vezes. Isso não aconteceria mais”, diz Almeida.

Privacidade
A perspectiva de o governo ter registro de todas as transações financeiras de todos gera preocupações com a privacidade. Para o professor da USP, quem não está envolvido em crimes não teria com o que se preocupar.

Mas Birch diz que “é razoável que as pessoas não queiram que o governo siga todas as suas transações”. Para ele, um jeito de manter a privacidade seria usar criptografia para esconder as identidades dos usuários nas transações, usando o que ele chama de “pseudonimidade”.

Isso significa que cada pessoa teria um código que a representa, que seria sempre o mesmo, e teria sua identidade mantida em segredo, a não ser que ela se envolvesse em alguma fraude ou outra atividade ilegal. O conceito é similar ao de identidades usadas na internet.

domingo, 15 de novembro de 2009

em baixa: BRONZEAMENTO ARTIFICIAL

Câmaras de bronzeamento artificial
são proibidas pela Anvisa

Equipamentos utilizam tecnologia de emissão de radiação que faz mal à saúde
Do R7
O bronzeamento artificial já estava proibido pela Anvisa para menores de 16 anos


A partir desta quarta (11), está proibido pela Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) o uso de equipamentos para bronzeamento artificial no Brasil. Esses equipamentos utilizam tecnologia de emissão de radiação ultravioleta e podem fazer mal à saúde.

Há muito que os dermatologistas discutem sobre as consequências causadas pelas câmaras de bronzeamento artificial. Um mês depois da divulgação de um estudo feito pela OMS (Organização Mundial da Saúde), a decisão foi tomada e a resolução foi publicada no Diário Oficial.

A proibição revoga uma norma de 2002, que trouxe a obrigatoriedade da avaliação médica e proibiu a utilização das câmaras por algumas pessoas.

Desde então, quem tem sardas, manchas ou pintas, e que tivessem histórico familiar de câncer de pele, não podem fazer bronzeamento artificial.

sábado, 14 de novembro de 2009

no ônibus

Rubens Oficial

Trepidando deste jeito,
não há quem possa escrever.
Tenho poesia no peito:
pare! que eu quero descer.

segunda-feira, 9 de novembro de 2009

VISTA PARCIAL DE TATUÍ

Foto: Rubens Oficial

bom saber: Como evitar o ponto cego na hora de ajustar o retrovisor

Por Dirce Mendes, no G1

Para saber se os retrovisores externos estão cobrindo o maior ângulo ao redor do automóvel, o mais correto é colocar duas referências de cada lado do carro para usar como base. Por exemplo, utilizar um cone e pedir para alguém movê-lo em direção à dianteira do veículo e também para o lado de fora. De preferência, coloque também uma vassoura dentro do cone, isso facilita o ajuste, caso contrário seu acerto vai mostrar mais chão do que outros veículos ao seu redor. Faça isso dos dois lados e posicione o retrovisor de forma a visualizar o mínimo do cone ou da vassoura – se aparecer uma pontinha do cone (parte inferior), melhor -, mas também uma parte do seu automóvel, mesmo que seja um cantinho. O melhor ajuste é esse, vai cobrir a maior área ao redor do veículo na melhor posição para você.

domingo, 8 de novembro de 2009

POIESIS


poesia é invenção
poesia é inversão
poesia é invasão
poesia é imersão
poesia é emersão
poesia é evasão
poesia é expansão
poesia é explosão

sábado, 7 de novembro de 2009

Gastar dinheiro é como usar droga


Cientistas dizem que a sensação de ter e poder gastar dinheiro ativa as mesmas áreas do cérebro relacionadas ao prazer do vício
REDAÇÃO ÉPOCA
Age Fotostock
As pessoas dão mais valor ao ter dinheiro do que ao seu real valor de compra

O dinheiro funciona como uma droga para o cérebro humano. E pensar em um salário maior do que o que você ganha também dá o mesmo "barato". Essa é a conclusão de um estudo realizado por pesquisadores da Universidade de Bonn, na Alemanha, publicado na revista Proceedings of the National Academy of Sciences.

Segundo os pesquisadores, o cérebro humano é suscetível à ilusão de riqueza que o dinheiro pode trazer. O ato de gastar dinheiro ativa áreas do cérebro que estão relacionadas ao prazer. Além disso, pesquisa mostra que as pessoas prestam atenção ao valor nominal de dinheiro, em vez de se atentarem ao seu verdadeiro poder de compra.

Para chegar a essa conclusão, os pesquisadores analisaram a atividade cerebral de 18 voluntários em uma série de testes envolvendo diferentes salários e preços.

Os voluntários foram convidados a "ganhar" salários realizando uma série de tarefas mentais em um computador. Os salários foram divididos em dois níveis, com o valor superior 50% maior do que o inferior.

Eles poderiam então gastar esse dinheiro em uma lista de produtos apresentados em dois catálogos. Os catálogos eram idênticos, porém um deles trazia os produtos 50% mais baratos do que o outro.

Na prática, os voluntários tiveram o mesmo poder de compra, independentemente do que ganhavam como salário. Mas os resultados mostraram que os centros de recompensa de seus cérebros eram muito mais ativos quando estimulados pela ideia de ter um salário mais elevado.

A tese também tem o apoio de alguns economistas, que chamam o fenômeno de "ilusão do dinheiro". Em geral, com relação ao dinheiro, as pessoas se comportam irracionalmente, a ponto de ficarem mais satisfeitas com um salário maior em tempos de inflação alta do que com um salário menor em época de baixa inflação. "Intuitivamente, a 'ilusão do dinheiro' implica que um aumento de renda é avaliado positivamente, mesmo quando os preços sobem na mesma proporção, deixando inalterado o poder de real de compra", diz o professor Armin Falk, da Universidade de Bonn, um dos coordenadores do estudo.
Fonte: Revista Época, 24.03.2009.

Ele vive sem dinheiro


SEX, 06/11/09


POR MARIANA WEBER |



Foto: Mark Boyle
Foto: Mark Boyle
Quando li sobre o economista Mark Boyle, que neste mês completa um ano vivendo sem usar dinheiro, pensei logo nos itens de que eu sentiria falta se embarcasse em uma experiência semelhante. Em um artigo noGuardian, Mark contou que escova os dentes com uma pasta feita de conchas e sementes de erva doce, trocou papel higiênico por jornal velho, planta a própria comida e usa energia solar para carregar o notebook e o celular (que só atende ligações) trazidos da época em que ainda ia às compras. Ele estacionou seu trailer em uma fazenda inglesa de orgânicos (em troca de dias de trabalho) e resolveu ficar sem gastar nem um centavo por um ano para chamar atenção para questões ambientais: diz que o dinheiro é uma ferramenta que distancia o consumidor dos produtos, ocultando o impacto de cada compra.

sexta-feira, 6 de novembro de 2009

quarta-feira, 4 de novembro de 2009

está escrito: PORTAR-ME-EI COM INTELIGÊNCIA...

... NO CAMINHO RETO. QUANDO VIRÁS A MIM? ANDAREI EM MINHA CASA COM UM CORAÇÃO SINCERO. NÃO POREI COISA MÁ DIANTE DOS MEUS OLHOS.

Davi, em Salmos 101.2-3. Davi foi rei de Israel de 1012 a 972 aC. Seu nome significa "amado".

Notícias de Tatuí

O secretário da cultura de Tatuí, Jorge Rizek, informa que o prefeito Gonzaga aprovou a ideia de elaboração de uma bandeira para Tatuí. A que temos hoje é provisória: o brasão do município dentro de um retângulo branco. A sugestão partiu deste blog (vide postagem) e foi encaminhada ao secretário. Sugerimos que a bandeira fosse um símbolo popular, pouco elaborado, fácil de se fazer, como as bandeiras da maioria dos países. A idéia inicial é de três faixas horizontais. A do alto, amarela, lembrando que estamos em uma das regiões mais ensolaradas doEstado; a do meio, vermelha, representando a cor da nossa terra que dá ao nosso cidadão o apelido carinhoso de pé vermelho; a de baixo, azul, lembrando o rio que dá nome ao município. Sobreposto, um símbolo que lembre a música, a grande vocação do nosso povo, como uma clave de sol. Devido aos custos, o projeto fica para o ano que vem. A Câmara de Vereadores aprovou projeto do vereador Manu Corrêa que elimina a necessidade de reconhecimento de firma e autenticação de documentos exigidos pela municipalidade. O próprio servidor municipal fará a confrontação da cópia como original.

segunda-feira, 2 de novembro de 2009

fiquei sabendo: CANETA ESFEROGRÁFICA

A caneta esferográfica foi inventada em 1937 pelo húngaro Lazlo Biro, que mais tarde se naturalizou argentino.

pensamento: HONESTIDADE

Do meu caderno de notas, estas terríveis verdades ditas por Rui Barbosa, a cada dia mais atual.

"De tanto ver triunfar as nulidades, de tanto ver prosperar a desonra, de tanto ver crescer a injustiça, de tanto ver agigantarem-se os poderes nas mãos dos maus, o homem chega a desanimar-se da virtude, a rir-se da honra, a ter vergonha de ser honesto." (Rui Barbosa)

domingo, 1 de novembro de 2009

DIÁRIO DE TATUÍ

O Sítio do Carroção, famoso resort tatuiano, adotou a praça do Bairro Valinho, próxima da Escola de Enfermagem, e a transformará em praça de lazer. A primeira parte do projeto já está pronta: um playground de madeira muito bonito e que já é sucesso. Estão abertas as inscrições para o 15º Concurso de Redação e Desenho de Natal, realizado pelo jornal O Progresso de Tatuí. O concurso é voltado para as escolas da cidade e tem encerramento no dia 30. O Tribunal de Justiça de São Paulo manteve a condenação da Empresa de Ônibus Rosa e dos ex-prefeitos Dionísio de Abreu e Joaquim Amado Quevedo a devolverem à Prefeitura 20% do valor pago à empresa pelo transporte de estudantes em virtude da concessão de exclusividade por 30 anos. A vicinal Tatuí a Laranjal Paulista deverá ser pavimentada em 2010. A informação é do vereador Oséias Rosa, que recebeu a notícia do DER/SP. A jovem Tassiane Rodrigues Martins, de 16 anos, será a representante do Estado de São Paulo na VIII Conferência Nacional dos Direitos da Criança e do Adolescente, que acontece em Brasília de 7 a 10 de dezembro. Ela é integrante do Projeto Lar Espaço Feliz, do Lar Donato Flores. Estarão abertas até o dia 11 de dezembro as inscrições para o 1º Festival de Vídeo Multimídia Tatuí na Tela. Concorrerão produções em vídeo de até 3 minutos com recursos convencionais como celulares e câmeras digitais de uso doméstico (não profissionais). Odimar Augusto, filho do poeta Odimar Martins, foi premiado com a segunda colocação no concurso de desenho Meu Mundo Perfeito, realizado pela TV Tem, levando uma bicicleta para casa. O garoto também venceu competição de declamação no Colégio Objetivo. Parabéns!