quinta-feira, 24 de setembro de 2015

Varal dos Amigos de Noemi



Fiquei feliz em estar no varal de amigos de minha prima-irmã Noemi a quem tanto estimo.

terça-feira, 22 de setembro de 2015

1986 - Desabastecimento de carne

(Rubens Oficial)

Cheguei em casa com um quilo de bisteca de carneiro sem saber como iríamos temperar a carne. Não foi uma opção de consumo, foi um achado. Não havia carne no mercado e os açougues estavam fechados. À noite, alguns abriam clandestinamente para vender a preços acima da tabela. Uma vez estava na frente de um desses estabelecimentos, lotado, quando o proprietário levantou os braços e bradou: não vamos vender mais, vamos fechar, alguém nos denunciou à Polícia! Voltei pra casa sem o produto. Diziam que os pecuaristas escondiam os bois no pasto. São crises passadas. Dias melhores virão, diziam. Dias melhores vieram.

1986 - Desabastecimento de leite

(Rubens Oficial)

Foi na casa de meu irmão em São Bernardo do Campo que aprendi a preparar leite a partir de leite condensado. Era a única versão do produto disponível no mercado. O brasileiro é tão acostumado com o café com leite que fica meio confuso quando precisa alterar o cardápio do seu desjejum. Acho que a crise de desabastecimento de leite não durou muito tempo, mas assustou. Hoje a gente lembra do passado e quase não acredita em tudo o que já nos aconteceu. Certamente vivemos dias melhores.

1995 - Desabastecimento de gás de cozinha

(Rubens Oficial)

Vivíamos dias difíceis. Pegamos um carrinho de pedreiro para levar o botijão de gás até a Rua Maneco Pereira, tomamos lugar na fila, que chegava à esquina da Rua Capitão Lisboa, na esperança de que naquela tarde chegaria um carregamento de gás no depósito do Machado. E chegou mesmo, valeu a pena ter paciência. Acho que nunca mais teremos racionamento de gás de cozinha. Vivemos dias melhores.