quarta-feira, 31 de outubro de 2012

Celso e Ismael Neto doente


Estas fotografias do meu irmão Neto foram postadas pela minha cunhada Dita no Facebook. Foram as últimas do Neto, que sabemos. Ele estava em São Vicente com nosso irmão Celso, quando se recuperava de cirurgia no aparelho digestivo devido a um a câncer. Ele viria a falecer em dezembro, para nossa grande tristeza. 

quarta-feira, 24 de outubro de 2012

Cumprimentando o presidente do TJ / SP

FOTO: ANTÔNIO CARRETA / TJSP

Na inauguração oficial do Fórum de Tatuí, ao final da cerimônia, fui chamado a fazer uma foto do diretor do cartório criminal Wilson Donizeti com o presidente do TJSP, desembargador Ivan Sartori. Feito isto, falei ao presidente do quanto estamos esperançosos de termos no presidente um amigo.

A pedido do presidente

FOTO DE ANTÔNIO CARRETA/TJSP

O presidente Ivan Sartori ficou satisfeito com a recepção dos servidores e mandou o fotógrafo do Tribunal fazer minha fotografia. 

Presidente do TJSP em Tatuí

FOTO DE ANTÔNIO CARRETA/TJSP

Após sua assessoria fazer minha identificação, o presidente retornou e pediu para ser fotografado ao meu lado. 

Com o desembargador Ivan Sartori

FOTO: ANTÔNIO CARRETA / TJSP

A expectativa é de que teremos muitos motivos para sorrir daqui para frente. Após Sartori assumir a presidência do TJSP, os servidores começaram a receber direitos que lhes haviam sido negados anteriormente.

quinta-feira, 18 de outubro de 2012

“ADMINISTRAÇÃO PARTICIPATIVA” CHEGA À RAJ DE SOROCABA

16/10/2012

Presidente e integrantes de sua equipe foram ouvir juízes da região em busca de soluções para melhoria do desempenho do Judiciário

A sétima reunião do projeto Administração Participativa foi ontem (15) em Sorocaba. O roteiro é parecido, mas em cada Região Administrativa Judiciária há uma realidade – embora a matéria-prima seja a mesma: processos e recursos humanos/materiais voltados à distribuição da Justiça. Em cada visita, o presidente do Tribunal de Justiça e os juízes assessores que o acompanham voltam para São Paulo com um rol de procedimentos e/ou providências a serem tomadas. Algumas serão imediatas; outras, que dependem de ações conjuntas, necessitam de mais tempo. Todas, no entanto, são analisadas e as respostas chegam aos destinatários. Ontem foi a vez da 10ª RAJ, com sede em Sorocaba, que abrange quatro circunscrições judiciárias: Itu (20ª); Itapetininga (22ª); Itapeva (49ª) e a própria Sorocaba, (19ª).

Desde o início da gestão, o presidente Ivan Sartori tem realizado essas reuniões no interior do Estado com magistrados, servidores e representantes da municipalidade. É a chamada Administração Participativa. A primeira foi em Ribeirão Preto, sede da 6ª Região Administrativa Judiciária (RAJ); a segunda, em Santos (sede da 7ª RAJ); a terceira em Presidente Prudente (sede da 5ª RAJ), a quarta em Bauru, (3ª RAJ); a quinta em São José do Rio Preto (8ª RAJ), a sexta em Campinas (4ª RAJ) e agora em Sorocaba.

As reuniões – três no total – foram acompanhadas pelo juiz diretor da 10ª RAJ, José Elias Themer, pelos juízes assessores da Presidência Guilherme de Macedo Soares, Silvana Amneris Rôlo Pereira, João Baptista Galhardo Júnior e Marcelo Lopes Theodosio, pelo chefe de gabinete do TJSP, Tarcisio dos Santos e pelo secretário da Presidência do TJSP Kauy Carlos Lopérgolo de Aguiar.

José Elias Themer, que também é diretor do fórum e titular da 7ª Vara Cível, elogiou a criação do projeto “Administração Participativa”. Para ele, as RAJs são uma transformação total na estrutura administrativa do Poder Judiciário. “O presidente Ivan Sartori é seguramente o mais democrático dos presidentes que já estiveram à frente do Judiciário paulista e é de suma importância esse contato que mantém, não apenas com os magistrados, mas com todos os servidores do Tribunal de Justiça.”

No “Administração Partipativa” da RAJ de Sorocaba, o presidente falou dos objetivos ainda a serem alcançados, detalhou o que já foi colocado em prática nos quase dez meses em que está à frente do Judiciário e fez uma síntese do que é preciso para melhorar a prestação jurisdicional em benefício da população. Os assuntos variaram desde a necessidade de colocação de ar-condicionado já na região faz muito calor até locação de espaços para a melhoria da estrutura física em determinadas comarcas. Instalação de varas e reposição de servidores também foram solicitações que não ficaram fora de pauta.

Na reunião com o prefeito Vitor Lippi, a deputada estadual Maria Lúcia Amary, integrantes do Ministério Público, da Ordem dos Advogados do Brasil, da Defensoria Pública, das Polícias Civil e Militar vários outros assuntos foram discutidos; de vagas para idosos a questões atinentes aos Centros de Detenção Penitenciária em construção na região.

“Só um presidente fez muito pelos servidores, mas o senhor já fez muito mais.” – Com essas palavras uma servidora se dirigiu ao presidente Sartori na oportunidade que teve de os servidores fazerem as suas indagações. Ela não foi a única. O representante da Família Forense local também agradeceu a ida do presidente à RAJ de Sorocaba e o parabenizou pelo pioneirismo à frente das ações. Um oficial de Justiça, Rubens Antonio da Silva, falou já quando a equipe saía do prédio: “presidente o senhor não tem ideia da esperança que os servidores depositam no senhor”.

Sobre a 10ª RAJ de Sorocaba – Com a recente criação das RAJs, o Tribunal de Justiça tem nas dez sedes um polo administrativo instalado para trazer melhorias, como economia nas aquisições de suprimentos, concursos de admissão de servidores regionalizados e celeridade nas execuções fiscais, criminais e do colégio recursal, entre outras providências que visam facilitar a gestão do Judiciário. Nessa região vivem de 2.279.384 habitantes (censo de 2010). Nas comarcas que integram a RAJ trabalham 2.078 servidores e existem 1.141.617 processos em andamento.

Comunicação Social TJSP – RS (texto) / AC (fotos)
imprensatj@tjsp.jus.br

quarta-feira, 17 de outubro de 2012

Agradeço ao amigo Rosan pelo CD Só as Elegantes, que gravou com Ricardo, com que me presenteou. Presente autoral é especial.

terça-feira, 16 de outubro de 2012

Comentários sobre um vídeo do Youtube sobre questões bíblicas

Comentários sobre o vídeo http://www.youtube.com/watch?v=pTzQHh7t9W0

Lucas 1.15 se refere a João Batista, que seria nazireu. Jesus mostra a diferença entre Ele e João em Lucas 7.33-34. Veja: "Porque veio João o Batista, que não comia pão nem bebia vinho, e dizeis: Tem demônio; Veio o Filho do homem, que come e bebe, e dizeis: Eis aí um homem comilão e bebedor de vinho".

De fato, em Provérbios 23:21 está escrito: "Porque o beberrão e o comilão acabarão na pobreza; e a sonolência os faz vestir-se de trapos". Por isso, os fariseus acusaram o Senhor. Veja em Lucas 7.34: "Veio o Filho do homem, que come e bebe, e dizeis: Eis aí um homem comilão e bebedor de vinho, amigo dos publicanos e pecadores".

O publicano não serve de exemplo porque era um homem pecador buscando a Deus e não se julgava digno nem mesmo de adentrar ao templo. Certamente que, encontrando Deus, se prostraria com humildade e amor.

A Palavra fala que o Espírito Santo dirige mesmo. Veja em João 16:13: "quando vier aquele Espírito de verdade, ele vos guiará em toda a verdade; porque não falará de si mesmo, mas dirá tudo o que tiver ouvido, e vos anunciará o que há de vir". Isto não contradiz o Salmo 1, onde o salmista diz que medita na lei de Deus de dia e de noite. Na Congregação Cristã no Brasil, a Bíblia é lida diariamente e tida como "a única e perfeita guia de nossa fé e conduta", conforme inscrito no Hinário.

Favor corrigir: em Atos 2,1-4 os discípulos não estavam orando.
Rubens Oficial

Denilson, a foto que serve de capa para o seu vídeo é da casa de oração do Bairro Valinho, em Tatuí (SP). É de minha autoria.