quarta-feira, 30 de dezembro de 2009

recordação

Eram eles...
felizes no andar,
felizes no olhar...
Felizes...

Como ele...
como ela sorria!
Quem da noite fez dia,
quem viveu só de amor.

Quem os viu
sentiu, por certo,
um deserto,
um caminho incerto,
quem ciúmes não sentiu?

Eram eles...
felizes da vida bela.
Era eu e era ela
tempos atrás!...

Tatuí, 1976

Nenhum comentário:

Postar um comentário